Tenha um realcionamento saudável com o chocolate



Como você classifica seu relacionamento com o chocolate:

  1. Abusivo

  2. Complicado

  3. Ok, mas podia melhorar

  4. Saudável

Muitas pessoas, a maioria mulheres sentem um forte desejo de comer chocolate, e diferente dos homens, elas se sentem culpadas de comer tanto chocolate, ou se não, elas lutam (com elas mesmas) para não comer a barra ou a caixa toda. E muitas vezes o chocolate é considerado como um alimento ruim, mas não é exatamente isso.

Um estudo de 2014 mostrou que as mulheres que associaram a ingestão de bolo de chocolate à comemorações tiveram mais sucesso na manutenção do peso, enquanto aquelas que o associaram à culpa provavelmente enfrentaram vários problemas, incluindo:


  • Menos sucesso na manutenção do peso a longo e a curto prazo

  • Sentimentos de impotência e perda de controle

  • Comportamentos alimentares pouco saudáveis

  • Maior insatisfação com a imagem corporal

  • Qualidade de vida reduzida

Ao invés de se culpar comendo qualquer coisa, seja chocolate ou alface, tente saborear o alimento, aproveitar e sentir o prazer. Tenha atenção plena ao comer; não fique sentada na frente da TV com uma caixa de chocolates.


Um relacionamento saudável com o chocolate ajuda a você aproveitar com moderação e sem culpa, ao invés de ficar em um ciclo de tentar ignorar totalmente e depois se esbaldar.

Agora vamos melhorar ainda mais esse relacionamento. O chocolate com maior porcentagem de cacau (chocolates amargos) contém antioxidantes, em especial o flavonóis, que ajudam a combater inflamações e protejem as células.

Lista de benefícios:

  • Melhora a saúde do coração: Os antioxidantes do chocolate amargo demonstraram diminuir a pressão arterial, reduzir o risco de coagulação e aumentar a circulação sanguínea para o coração, diminuindo assim os riscos de acidente vascular cerebral, doença cardíaca coronária e morte por doença cardíaca.

  • Equilibra o sistema imunológico: Os flavonóis evitam que o sistema imunológico entre em overdrive e reduzem o estresse oxidativo, que é um desequilíbrio causado pelas células que lutam contra os radicais livres e uma causa comum de muitas doenças.

  • Combate a diabetes: a epicatequina protege as células, fortalece-as e apoia os processos que ajudam o corpo a usar melhor a insulina, o que pode prevenir ou combater a diabetes.

  • Melhora a função cerebral: Os flavonóis no chocolate amargo têm um impacto positivo na função cerebral, incluindo melhor tempo de reação, consciência visual-espacial e memória mais forte. Embora a pesquisa esteja em andamento, uma razão para isso pode ser que os flavonóis aumentam o fluxo sanguíneo para o cérebro.

  • Aumenta o desempenho atlético: A epicatequina no chocolate amargo aumenta a produção de óxido nítrico no sangue, que suporta a circulação e reduz a quantidade de oxigênio que um atleta usa enquanto pratica exercícios moderadamente intensos. Isso permite que o atleta mantenha a intensidade do treino por mais tempo.

  • Reduz o estresse: as pessoas que comiam chocolate amargo relataram que se sentiam menos estressadas, e os pesquisadores confirmaram que depois de comer chocolate amargo, havia níveis reduzidos do hormônio do estresse cortisol. Isso pode estar relacionado aos efeitos do chocolate amargo na saúde do coração, já que o estresse é um fator de risco para doenças cardiovasculares.


Observações:


  • Quanto maior o teor de cacau, mais flavonóis benéficos o chocolate contém. A maioria dos benefícios observados nas pesquisas está associada ao chocolate que possui pelo menos 70% de cacau.

  • Os pesquisadores não chegaram a uma recomendação dura e rápida de quanto chocolate amargo deve ser consumido para alcançar esses benefícios à saúde. Os especialistas recomendam chocolate amargo minimamente processado com pelo menos 70% de cacau e talvez 30 gramas como um consumo ocasional.

  • Você deve sempre verificar o rótulo para estar ciente do teor de calorias, gordura e açúcar, o que pode afetar o benefício geral para a saúde.

  • Para algumas pessoas, o chocolate pode desencadear refluxo ácido ou enxaqueca.

Como na maioria dos relacionamentos saudáveis, a chave é manter uma perspectiva positiva e equilibrada. O chocolate amargo tem muitos benefícios para a saúde e definitivamente pode ser apreciado como parte de uma dieta equilibrada. Existem muitas maneiras saudáveis ​​de incorporar o chocolate ao seu estilo de vida, então encontre o que funciona para você. Se você precisar de ajuda adicional ou tiver problemas para controlar o que come, considere procurar ajuda de um nutricionista.



Fonte: https://www.hopkinsmedicine.org/health/wellness-and-prevention/the-benefits-of-having-a-healthy-relationship-with-chocolate#:~:text=Increases%20heart%20health%3A%20The%20antioxidants,and%20death%20from%20heart%20disease.



0 visualização0 comentário

Posts recentes

Ver tudo